AdegaMãe 221

Branco | 2015 | 25€

Um Alvarinho inédito

Nasce da admirável viagem da casta rainha dos brancos portugueses: as melhores barricas do Alvarinho atlântico da AdegaMãe, trabalhadas pelo nosso enólogo Diogo Lopes neste terroir de influência atlântica, conjugadas com o melhor Alvarinho de Anselmo Mendes, oriundo da Região dos Vinhos Verdes. 2 regiões, 2 enólogos, 1 uma casta: eis um Alvarinho inédito, pleno de frescura, complexidade e originalidade.

Este vinho é adequado para Pratos de Carne, Queijos e Petiscos

CASTAS
100% Alvarinho

NOTA DE PROVA
Nariz intrigante. Notas da casta, toranja e mel com um toque de pedra, mineralidade. Volumoso na boca, com bastante textura. Fruta citrina, muito expressivo e rico. Final intenso com ligeira salinidade.

GASTRONOMIA
Com peixes no forno e mariscos.